nada de novo


Infiltrar-se num país,
torturar, assassinar,
e depois de tudo feito
jogar os corpos no mar…

em tudo isso
– para nós que não esquecemos tanto –
não há novidades.

…e que em nome da paz
um presidente assuma
orgulhosamente os crimes
ao vivo em rede internacional…

já não espanta…

…e que sob o signo da vingança
o povo, qual num Coliseu,
seja só festa, esquecimento e tal…

isso tampouco surpreende.

O que espanta,
que realmente me perturba
– não sai da minha cabeça –
é essa sinistra semelhança
– lúcida coincidência –
entre os nomes
de Obama
e Osama.

Anúncios

~ por jeffvasques em 06/05/2011.

Uma resposta to “nada de novo”

  1. A pergunta que não quer calar é porque o Bin Laden virou Osama? Eu fiquei matutando sobre isso e achei várias explicações: intimidade de longos anos de perseguição, economia de letras ou mesmo, explorar esta sinistra semelhança.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: