Elvio Romero – Por quê?


elvioromero

POR QUÊ?

(Elvio Romero, poeta-lutador paraguaio, 1926-2004)

Por que não devemos querer nós todos
o que nunca quisemos; por exemplo, uma casa
sobre o remanso de um rio,
com vitórias régias em seu costado,
com suas janelas em regozijo.

Por que não devemos escutar nós todos
o que a noite escuta; por exemplo, uma sombra
que nos sirva de abrigo,
que ali morra misteriosamente
assumindo a cor de seus domínios.

Por que não devemos pisar nós todos
o que jamais pisamos; por exemplo, uma vereda
com cheirosos cachos,
com uma fogueira que ali se acenda,
com grandes chuvas que nunca vimos.

Por que não devemos sonhar nós todos
com um eco que soe; por exemplo, um murmúrio
que trema no som ido,
e que responda às perguntas
que junto ao fogo reunimos.

E por que não buscar sempre
o que é parada em um caminho,
o que há de outono em um verão,
o que há de ardente no mais frio,
o que é rubor em uns lábios,
o que é Lembrança no Olvido,
o que é pergunta na resposta,
o que é ofegar em um suspiro,
o que é vital dessa alegria,
dessa tristeza em que se vive.

Anúncios

~ por jeffvasques em 24/02/2013.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: