Soneto popular

age20150412425

SONETO POPULAR

o povo é besta, o povo é bravo
o povo é peso, o povo é lastro
o povo é a vela, o povo é o leme
povo coxinha, revolucionário

o povo é urna, o povo é rua
tão ignorante, o povo é sábio
não tem memória, é a própria história
o povo é inocente, o povo é safo

povo é submisso, insubordinado
sempre em atraso, o sol do futuro
cada um por si, o povo é uno

o povo é porva, pavio e pólvora
oh, zé povinho!, oh, povo magno!
o povo é mito, o povo é fato

Anúncios

~ por jeffvasques em 17/01/2017.

2 Respostas to “Soneto popular”

  1. O povo é
    fraco
    cai no buraco
    o buraco é fundo
    acabou-se
    o mundo
    .
    .
    .
    o povo é
    valente
    segura a onda
    na vazante
    na enchente
    lua cheia
    sol poente
    .
    .
    .
    o povo é
    náufrago
    sem ilha
    cozinha
    sem pia
    carro
    sem roda
    tribunal
    sem justiça
    fome
    sem comida
    roupa
    sem corpo
    barco
    sem rio
    .
    .
    .
    mentira
    .
    .
    .
    povo não é doente
    não é simplório
    não é demente
    é só gente
    .
    .
    .
    gente
    .
    .
    .
    o que é gente
    rima com semente
    nasce
    brota
    cresce
    floresce
    dá frutos
    alimenta
    .
    .
    .
    anoitece
    .
    .
    .
    amanhace

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: